#conversascontentes

[contente]conversascontentes-01

Na nossa trajetória demos sorte de encontrar algumas pessoas que nos ajudaram, ou ajudam, a fazer mudanças importantes. Elas acabam surgindo e nos ensinando tanto que fica impossível não associá-las à evolução da Contente.

Na matéria que saiu sobre a gente no Projeto Draft falamos de algumas delas, como a Flavia Padoveze, que nos ensinou a organizar coisas como salário e fluxo de caixa, o Reinaldo Normand, que ampliou nossa visãos sobre o que fazemos, a Denise Damiani, que hoje é uma espécie de consultora de negócios pra gente. Depois da matéria, conhecemos a Laura Kroeff e a Evi Giometti, que fizeram um trabalho incrível para nos mostrar como funciona a nossa empresa. Fora as pessoas com quem temos e tivemos conversas pontuais, mas daquelas que nos deixam com a cabeça a mil.

Em quase cinco anos de empresa, não seria clichê dizer que aprendemos com quase todas as pessoas que cruzaram nosso caminho. E também a cada dia - em alguns, tanto que parece um intensivão. Já acertamos e erramos, já deixamos a empolgação falar mais alto e depois nos arrependemos.

Em todas as situações, uma coisa não muda: esse aprendizado todo só faz 100% de sentido quando a gente consegue compartilhá-lo. Sempre conversamos com um monte de gente, seja depois de uma palestra, seja por email, seja em inúmeros cafés. Se a gente já gostava de conversar, depois de São Francisco isso virou uma parte bem importante da agenda.

Percebemos que já temos alguns aprendizados pra dividir, que algumas coisas que aconteceram com a gente nos permitem contar da experiência e, quem sabe, ajudar quem está no começo desse caminho de empreendedorismo.

Por isso queremos abrir um espaço para quem estiver aí do outro lado com vontade de conversar. Você está começando um negócio, um projeto e quer dividir suas angústias? Quer saber o que pode fazer para ter um perfil mais legal no Instagram? Escreve pra gente (dani@contente.vc e luiza@contente.vc) e marcamos um Skype de 20 minutos, meia hora. Toda semana vamos abrir um espaço de uma hora na agenda pra isso  :-)

A gente quer te ajudar com o que já aprendemos até hoje! É meio doido pensar em nos colocarmos nesse lugar, ainda mais quando miramos em grandes exemplos, profissionais que têm anos de experiência e muita bagagem para nos ajudar no processo. No entanto, como a Laura nos contou, existem diversos eventos em que qualquer um pode ser mentor: quem está um pouco à frente ajuda quem está um pouco antes no processo, e assim cria-se uma corrente de ajuda e muita coisa pra aprender. Sem dúvida, cada conversa também vai nos ensinar muito - e a gente se empolga demais com essa possibilidade!

Gostaram da ideia? Vamos adorar conhecê-los mais!

Dani Arrais6 Comments